Entre em contato com um de nossos especialistas!

Funcionamento e importância do transmissor de pressão

Escrito por: Tiago Frederico Sigrist

O transmissor de pressão desempenha papel crucial em uma variedade de setores industriais, sendo o componente responsável por monitorar e controlar a pressão de fluidos em diferentes ambientes e sistemas industriais com precisão.

Transmissor de Pressão

Sua funcionalidade permite a conversão de pressão em sinais elétricos, por exemplo, possibilitando uma leitura precisa e confiável dos níveis de pressão em processos industriais, automação e sistemas de monitoramento.

Com a capacidade de proporcionar informações cruciais para a eficiência operacional e a segurança, entender o funcionamento e a importância desses dispositivos é fundamental para inúmeras aplicações industriais.

Entenda mais sobre esse importante dispositivo industrial ao longo deste conteúdo, e entenda porque aplicá-lo em seu negócio.

O que é e funcionamento do transmissor de pressão

Um transmissor de pressão é um dispositivo vital na automação industrial, encarregado de converter a pressão de um meio em um sinal elétrico. 

Sua funcionalidade abrange desde a medição de pressão em sistemas industriais até o controle preciso de processos. 

Ao coletar dados sobre a pressão, ele desempenha um papel fundamental em variados setores, como:

  • Química;
  • Petroquímica;
  • Alimentos;
  • Bebidas e vários outros.

Para que isso seja possível, os transmissores de pressão são compostos por elementos essenciais, como sensor de pressão, circuito de processamento e circuito de saída. 

O sensor converte a pressão em um sinal elétrico proporcional, enquanto os circuitos amplificam e transmitem esses sinais para os sistemas de controle.

Com isso, basicamente, o funcionamento baseia-se na detecção da deformação de um elemento sensível à pressão. 

Isso gera um deslocamento mecânico ou elétrico proporcional à pressão aplicada, convertido em sinal elétrico e, posteriormente, interpretado pelos sistemas de controle.

Tipos de transmissores de pressão

Existem vários tipos de transmissores de pressão, cada um com suas características específicas para atender a diferentes necessidades industriais. 

Transmissores de pressão piezoresistivos

São comumente utilizados em aplicações industriais devido à sua alta precisão. 

Eles empregam um sensor piezoresistivo, que altera sua resistência conforme a pressão é aplicada. Para isso, usam a mudança na resistência de materiais semicondutores quando submetidos à pressão. São precisos e têm boa estabilidade a longo prazo.

A mudança na resistência é convertida em um sinal elétrico proporcional à pressão.

Transmissores de pressão capacitivos

Baseiam-se na variação da capacitância de um sensor quando submetido à pressão. São sensíveis e adequados para medições de pressão relativa e diferencial.

Quando a pressão é aplicada, ocorre uma mudança na distância entre as placas do sensor, resultando em uma alteração na capacitância. Isso é convertido em um sinal elétrico que representa a pressão medida.

Transmissores de pressão piezelétricos

Utilizam cristais piezelétricos que geram uma carga elétrica quando submetidos a pressão mecânica. Esta carga é convertida em um sinal elétrico proporcional à pressão aplicada. São robustos e oferecem resposta rápida.

Transmissores de pressão de tubo de bourdon

Funcionam com base na deformação de um tubo curvo (tubo de Bourdon) quando submetido à pressão.

A deformação é convertida em movimento mecânico que é transferido para um indicador mecânico, fornecendo uma leitura direta da pressão. São simples, robustos e amplamente utilizados.

Transmissores de pressão eletrônicos

Incluem sensores de silício ou cerâmica que convertem a pressão em um sinal elétrico. Permitem interfaces digitais e são altamente configuráveis.

Esses transmissores são altamente configuráveis, oferecendo opções de interfaces digitais e podem ser ajustados para aplicações específicas.

Transmissores de pressão diferencial

Projetados para medir a diferença de pressão entre dois pontos, são vitais em aplicações nas quais a diferença de pressão é crucial, como monitoramento de fluxo, controle de vazão ou medição de nível.

O que é um transdutor de pressão e como funciona?

Um transdutor de pressão é um dispositivo que converte a pressão aplicada a ele em um sinal elétrico proporcional. 

Ele detecta a pressão e a converte em um sinal que pode ser interpretado por um sistema de monitoramento ou controle.

O transmissor de pressão, por sua vez, é um tipo específico de transdutor. 

Ele faz parte de um sistema que mede a pressão em ambientes industriais ou em equipamentos. Funciona convertendo a pressão física aplicada em um sinal elétrico. 

Esse sinal é então enviado para um dispositivo de monitoramento ou controle, onde pode ser processado ou exibido para análise ou tomada de decisão.

O funcionamento de um transmissor de pressão varia de acordo com seu tipo. 

Por exemplo, os transmissores piezoresistivos usam um sensor piezoresistivo para detectar a pressão e converter essa mudança em resistência elétrica. 

Esses sinais elétricos são então processados e enviados para dispositivos de controle ou exibição para fornecer informações sobre a pressão medida.

Aplicações industriais

O transmissor de pressão é uma ferramenta vital em muitos cenários industriais. Ele é usado para medir e controlar a pressão em sistemas e processos críticos, desempenhando um papel fundamental em diversas aplicações.

Em processos industriais, o transmissor de pressão é usado em sistemas de controle de processos, monitorando a pressão em tubulações, tanques e equipamentos para garantir que operem dentro dos limites desejados.

Na indústria química, esses transmissores são essenciais para monitorar e controlar a pressão em reatores, garantindo a segurança e eficiência dos processos de produção de substâncias químicas.

Em sistemas de HVAC (aquecimento, ventilação e ar condicionado), o transmissor de pressão é utilizado para controlar e monitorar a pressão em sistemas de ar, garantindo um ambiente confortável e seguro.

Na indústria automotiva, esses dispositivos são aplicados em sistemas de freio, monitorando a pressão hidráulica para garantir um funcionamento adequado e seguro dos freios.

De forma mais precisa, é possível destacar a aplicação nessas e outras áreas da seguinte maneira:

 

  • Indústria Química: monitoram a pressão em reatores, tanques e tubulações, ajudando a controlar processos químicos delicados.
  • Indústria Alimentícia: auxiliam no controle de pressão em sistemas de envase, esterilização e processamento de alimentos.
  • Indústria Farmacêutica: monitoram a pressão em linhas de produção para a qualidade e segurança dos produtos.
  • Fabricação Automotiva: usados em máquinas de estampagem e moldagem para monitorar a pressão em processos de fabricação.
  • Indústria de Energia: monitoram a pressão em turbinas, caldeiras e sistemas de geração de energia.

 

Além disso, em aplicações de monitoramento ambiental e controle de processos em indústrias de petróleo e gás, os transmissores de pressão desempenham um papel crucial na garantia da segurança e eficiência operacional. 

Por exemplo, são empregados em refinarias para medir a pressão em torres de destilação, tubulações e equipamentos.

Esses são apenas alguns exemplos das múltiplas aplicações do transmissor de pressão em contextos industriais, destacando sua importância para o controle, segurança e eficiência dos processos em diversas indústrias.

Vantagens de sistemas com transmissor de pressão

Os sistemas que incluem transmissores de pressão oferecem diversas vantagens em ambientes industriais:

O transmissor de pressão fornece leituras precisas e confiáveis da pressão, possibilitando uma operação segura e eficiente dos processos.

Os transmissores também permitem um controle mais preciso dos processos industriais, auxiliando na manutenção de parâmetros ideais de pressão.

Eles ainda contribuem para a prevenção de falhas, minimizando perdas de produção e evitando danos a equipamentos, o que resulta em economia de custos a longo prazo.

A monitoria constante da pressão é essencial para a segurança operacional, ajudando a prevenir possíveis riscos e acidentes.

O transmissor de pressão é construído para resistir a ambientes adversos, como variações de temperatura e condições agressivas, garantindo uma operação estável e duradoura.

Importante dizer que muitos transmissores podem se integrar facilmente a sistemas digitais de monitoramento, permitindo uma análise mais detalhada e remota dos dados de pressão.

Onde e como encontrar transmissor de pressão de qualidade

Você pode encontrar transmissores de pressão de qualidade em diversos lugares. 

Fabricantes renomados geralmente oferecem produtos confiáveis. Lojas especializadas em equipamentos industriais ou de medição também são boas opções.

No entanto, ao procurar por transmissor de pressão de qualidade, considere alguns aspectos importantes:

  • Reputação do fabricante;
  • Especificação técnica do transmissor;
  • Suporte técnico oferecido;
  • Feedback dos clientes;
  • Garantia e assistência pós-venda.

Encontrar um transmissor de pressão confiável é crucial para obter precisão e eficiência nas operações industriais. 

Opte por marcas reconhecidas, como aquelas com histórico de excelência em suas tecnologias de medição. 

Busque empresas especializadas em equipamentos industriais e confira suas credenciais, certificações e feedback dos clientes para garantir um investimento seguro.

Para mais informações detalhadas ou adquirir transmissores de pressão de alta qualidade, você pode consultar empresas especializadas, como a PID Industrial, que oferecem uma variedade de equipamentos de precisão e suporte técnico especializado.

A PID é uma empresa especializada em automação industrial, oferecendo soluções de alta qualidade, incluindo transmissores de pressão. 

Com uma vasta experiência no mercado, a PID se destaca pela excelência em serviços de automação, proporcionando produtos confiáveis e suporte técnico especializado.

Para saber mais sobre como os transmissores de pressão podem otimizar seus processos industriais, entre em contato com a PID e descubra soluções sob medida para suas necessidades.

Transmissores de pressão são equipamentos industriais dedicados a medir a pressão em tubulações, tanques, reservatórios, linhas de transmissão de líquidos/pastosos, entre outras aplicabilidades. Eles são constituídos de um elemento de medição, na sua maioria cerâmico, e um circuito eletrônico capaz de converter a pressão sentida pela célula ou elemento sensor em sinal elétrico.

Dentre suas principais características estão o tipo construtivo e o sistema de conexão com o campo. Para medir a pressão do ar ou elementos gasosos, geralmente os transmissores possuem um pequeno orifício em sua face sensora que canaliza esse gás diretamente para a célula sensora. A deformação desta célula é medida pelo sistema eletrônico que converte este evento em sinal elétrico proporcional à pressão medida na linha. Por outro lado, existem transmissores de pressão de membrana. Este tipo de transmissor é utilizado quando temos elementos líquidos ou pastosos que precisam ser medidos. Para não haver contaminação, ao invés do líquido entrar no transmissor para que a medição seja realizada, ele apenas pressiona uma membrana que também se deforma possibilitando assim o equipamento informar a pressão proporcional.

São muitas as aplicações para transmissor de pressão. Dentre elas podemos citar: pressão de linha de água em circuitos de proteção de incêndio, pressão de ar comprimido gerado pelo compressor para ser fornecido para a linha de produção, etc.

Primordialmente em função das inúmeras possibilidades de conexão com o campo, o transmissor de pressão se torna um equipamento mais complexo de ser projetado. Consulte a PID Automação através de sua equipe de especialistas para escolher corretamente o produto a ser aplicado.

Buscando por transmissor de pressão, conheçà à empresa líder do mercado. Façà um orçamento pelo formulário e conheçà à empresa que é líder de mercado.

Sim, você está no lugar certo! Quanto o interesse é por transmissor de pressão aqui com os profissionais da PID Automação Industrial você encontra tecnologia de ponta com negociação direto com o cliente.


Sobre o autor

Tiago Frederico Sigrist é Proprietário na PID Automação Industrial há mais de 16 Anos e escreve conteúdos para auxiliar os visitantes do blog em suas dúvidas e questionamentos sobre Distribuição de Produtos para Automação e Elétrica Industrial.

Redes Sociais:

  • Campinas
  • Vale do Paraíba
  • Sorocaba
  • Baixada Santista
  • Ribeirão Preto
  • Piracicaba
  • São José do Rio Preto
  • Jundiaí
  • Franca
  • Bauru
  • Grande São Paulo